18 de setembro de 2010

Depressão sasonal.


Como é do conhecimento geral, a chegada das estações mais frias e chuvosas "Outono e Inverno", faz disparar os casos de depressão.


Em determinadas situações, tratam-se de patologias que não foram tratadas devidamente, e então chegando a esta altura, dá-se uma recaída.


Verifica-se que a partir do Mês de Outubro, a corrida às farmácias em busca dos Antidepressivos sobe a pique.

O que quem os compra não sabe é que o uso destes fármacos de forma abusiva e sem orientação médica especializada poderá não só agravar alguns dos sintomas, como também causar dependência dos mesmos.

Assim, a forma mais eficaz de combater este problema, é sem dúvida procurar ajuda terapêutica.

Só depois, e se houver indicação por parte do psicoterapêuta, para consultar um psiquiatra, é que este então poderá prescrever uma terapia medicamentosa adequada, de acordo com o problema apresentado.
Sublinhe-se que em muitos dos casos, apenas a psicoterapia será eficaz, o que evitará que haja um uso desnecessário de químicos cheios de efeitos secundários, que mais tarde poderão dar origem a outras problemáticas de ordem física.

Porque é que surge o aumento das depressões especificamente nesta altura do ano?

- Coincide com o término das férias, época em que surgem imensos divórcios.

Durante o verão, os casais tendem a estar mais tempo juntos, e se houverem desajustes na relação estes serão mais visíveis devido ao aumento da convivência.

- a diminuição das horas de sol, e o aparecimento do frio, que como todos sabem propicia os estados de melancolia.

- Regresso ao trabalho e volta à rotina diária de levar os filhos para a escola, causa um aumento dos níveis de stress, que conjugado com outros fatores precipitantes, poderá levar a um quadro de irritabilidade, cansaço, e tristeza muito característicos da depressão.

Não quero com isto alarmar ninguém, até porque normalmente esta patologia verifica-se mais em pessoas que já sofreram anteriormente desta sindroma.

No entanto, é preciso ser capaz de perceber quando é necessário pedir auxílio, antes que a situação se agrave a ponto de fugir do controlo do indivíduo.

4 comentários:

Poetic GIRL disse...

Também andei ligeiramente desanimada com a entrada de setembro, mas acho que é o facto de saber que as férias estão a acabar, e só para o ano há mais! bjs

Petra Pink disse...

oh minha bela tu não te deprime mulher....

Vera, a Loira disse...

Eu gostei muito do post, já sabia dessa tendência nesta altura, mas gostei da maneira como colocaste os motivos para tal. A mente humana fascina-me querida.

Ah!!! Eu não estou deprimida, só tenho muito sono.

Petra Pink disse...

vera: então vai la dormir mulher! bjo