11 de janeiro de 2011

Felicidade... existe?!


O que é para vocês a felicidade?

ou de forma mais simples.

O que vos faz felizes?

Para mim a felicidade propriamente dita, a felicidade que muitos classificam inatingível, existe.

Mas não prevalece.

Passa por nós voando, como uma borboleta colorida e majestosa que se não a olharmos discretamente ela desaparece sem se importar com o momento único que nos proporcionou.

Para mim existem na vida situações em que esses laivos de felicidade nos atinge.

É preciso tal como no caso da borboleta, estar atentos para os saborearmos em toda a sua plenitude.

O ideal para muitos seria saber multiplicá-los.

No entanto cada um interpreta a felicidade à sua maneira...


Eu sou feliz quando:

- Recebo uma surpresa inesperada.

- Um telefonema de um daqueles amigos que adoro.

- Uma declaração de amor... "que afinal nunca são de mais".

Um jantar sem aviso prévio.

- Quando as consultas que dou correm melhor do que realmente esperava!

- Quando visto uma roupa que gosto, faço uma maquilhagem fashion e apesar de não poder usar o espelho saber que fiquei bonita! "gostar de nós é essencial".

- Quando dou e recebo presentes.

- Quando leio um livro que me preenche até à alma.

- Quando um prato novo que experimento sai tal e qual eu desejava.

- Quando sou recebida por um beijo daqueles que nos arrebatam e tiram o ar.

Quando faço uma viagem.

- Quando recebo gente que amo.

- Quando passeio pela praia ou pelas ruas do Porto ao fim da tarde.

- Quando vou às jantaradas com as amigas!

- Quando regresso a Coimbra.

- Quando me perco nas montanhas da minha infância que tantas recordações guardam.

- Quando nos reunimos nos jantares de família!

- Sou feliz à sexta-feira quando me meto no comboio rumo a norte!

- Sou feliz ao adormecer protegida por um braço forte.

- Sou feliz quando canto. etc etc.


Se existem momentos de tristeza e descrença?

Claro que sim!

Mas como dizia o meu estimado professor Eduardo Sa:

(todo aquele que for capaz de verter lágrimas, enfim poder ficar triste e purgar-se pelo choro de tudo que lhe faz doer a alma.

não se deprime,

pois tem a capacidade de verter a gota de água que poderia fazer o copo transbordar).

Remoer as coisas, desejar mal e até fazê-lo não ajuda, só agrava uma ferida que já de si é funda.

Conclusão simples...

Se é preciso sorrir...

Também há que chorar quando de tal necessitamos.


12 comentários:

S* disse...

Os meus animais, a minha família, o meu trabalho, os meus amigos, fazer compras, cozinhar... isso faz-me feliz.

Inês disse...

Se o teu professor é quem eu estou a pensar,tiveste uma sorte enorme porque o acho bastante humano.Gosto imenso de o ouvir.

Quanto ao post:para mim a felicidade é feita tanto de grandes momentos (quando eu acabei o curso),como de pequenos que se tornam grandes (ganho mal mas estou a trabalhar,o que é uma maravilha).Para mim a felicidade é assim,e pegando nos "momentos tristes"que puseste no post temos que viver e aprender com eles,porque a vida é feita desses momentos.

Bomboca do Amor disse...

Eu contento-te com pouco (ou não), mas fico feliz com os momentos mais simples do dia-a-dia!
Beijinhos,
Bomboca do Amor.

pipi das meias altas disse...

para muita gente gente a felicidade é vestir roupas de marca. é o que se vê pela blogo. tristes

oops!!! disse...

Felicidade, Petra?

Eu já estou vivo!
Já me saiu a sorte grande em entre milhões, ter sido o único espermatozóide sobrevivente...

E agora a brincar:
Para mim, felicidade não é ter aquilo que se quer, mas sim querer aquilo que se tem.

Isto é: verdadeiramente valorizar o pouco que se possa ter...

E o que é bom é óptimo e o que é mau é experiência!

E para a frente é que é caminho...

;)

Bailarina disse...

Há tanta coisa pequenina que me faz Feliz... Por Natureza, sou feliz!! 8)

Tanita disse...

A felicidade existe sim. Mas para a mantermos connosco temos que lutar para a agarrar, todos os dias.
O que me faz feliz? o meu filho.
Bj**

Nina disse...

Existe, sim!
Olha como eu sou feliz!:)
beijinhos, linda!

Petra Pink disse...

S*: sem dúvida belos motivos para a felicidade!
Inês: Sim é esse que estás a pensar... o senhor é mais famoso que a batata frita!
E sim as aulas dele, foram para nós verdadeiras preciosidades.
Bomboca do amor: não importa que nos contentemos com pouco... acima de tudo procurá-la e saber vivê-la quando surge.
Pipi das meias altas bem-vinda... Sim, talvez para essas pessoas a felicidade seja isso...
Lá está cada um é feliz à sua maneira desde que não interfira na vida dos outros.
Oops: uiii isso é que é positividade rapaz!
beijo a todos.

Petra Pink disse...

Bailarina: nota-se perfeitamente que és uma rapariga bem disposta!
logo... deves viver muitos momentos felizes!
Tanita: sim um filho deve ser sem dúvida uma felicidade que aquece o coração de forma duradoura.
Nina: ohh mulher tu.... tu és o retrato dela! loolll.
Apesar de eu saber que já passaste uns maus bocados....
Mas isso de certo que te ensinou a valorizar o que de bom a vida te dá e a aprender com as provações da vida. beijo as 3.

Nina disse...

Não tenhas dúvidas que é bem verdade, minha querida.
O inferno por onde já andei ajuda-me, agora, a venerar tudo o que tenho.
bji, querida

Lu! disse...

Amei este teu post :)